Está?

Ao folhear os jornais deste fim-de-semana, deparei-me com uma situação insólita e totalmente inesperada. Foi notícia de jornal, por cá, a missiva remetida por um ministro ao primeiro, a desejar um ano de 2007 cheio de prosperidade. Se a moda pega…