Aos seus lugares!

Hummmmmm último dia do ano. Não faço grandes balanços, já que a vida é um acto contínuo e não é propriamente no último dia do ano que reflicto sobre acções/situações passadas. O passado pertence aos livros de história, bons para ir relendo a tempos, tal como o da nossa vida pessoal que acaba por sedimentar-se, em camadas sobrepostas, no nosso eu mais recôndito, cujo acesso implica sempre um grande esforço, quando deliberado ou provocado, e nem sempre com os melhores resultados. Afinal os anos são todos feitos de grandes momentos, bons e maus. Intensos, de preferência, como eu os gosto. No pain, no gain, assim fui treinado. E este foi um vintage, saboreado demoradamente, a cada trago. O futuro será sempre melhor. É tudo uma questão de perspectiva que ultrapassa o estritamente material.

Por muito lírico que possa parecer, há pequenos pormenores que tornam esta passagem algo de verdadeiramente extraordinário, acima de tudo o que nos possa arreliar no dia-a-dia. É preciso é sair de alguma letargia e começar a viver o que é realmente importante e que nos faz feliz, a nós e aos outros. E é tanto. Como escrevia Tupak Soiree em “O que aprendi na montanha”, fui à pesca!

E agora, nada mais nada menos, proveniente de muito longe e a breves instantes de chegar até ao local em que nos encontramos, é com grande prazer e alegria que daremos as boas vindas a 2007!!! Depressa: foguetes! champanhe! beijos! abraços! festinhas! strip-tea… (grumpf! Isto de tirarem um microfone a um gajo enquanto discursa, está mal!)

6 Respostas to “Aos seus lugares!”

  1. ac Says:

    agora queres strip de chá? LOLLLL
    o bom destas coisas de ciclos é sentir no inicio de cada um que podemos fazer ainda mais e melhor do que o anterior, não é verdade?
    Eu cá por mim acredito que sim, apesar deste ter sido um ano “remarKable” para mim, tenho a certeza que 2007 poderá ser verdadeiramente extraordinário!
    Antes mesmo de me despedir da net e do trabalho aqui ficam os meus votos de que o teu ano de 2007 seja intensamente vivido com os dois meniscos no sitio e com a garra que te é caracteristica quando te “picam”.
    Beijinhos

  2. Miguel Azevedo Says:

    Bom, dado k aí o Ano Novo chega mais cedo e como tb me estou a preparar para ir para “estágio”, novamente votos de um “ganda” 2007, novamente “vintage” ou quem sabe “trintage”… dado que tantos vintages são capazes de fazer mal à visicula

  3. miguel Says:

    Strip de chá… Os meus ciclos são um bocado mais alargados. Quanto a 2007, obrigado, obrigado. Beijinhos e que o teu 2007 seja mais um “remarkable” :P

    Miguel, então que o estágio tenha sido um verdadeiro espanto. A visícula, a minha, ainda aguenta mais uns vintages eheheheh!

  4. Miguel azevedo Says:

    Bem, o estágio decorreu com tranquilidade, apesar de tudo. Como não sei se no próximo ano consigo estar com a familia, este ano puxou mais ao sentimento. Calminho, sem chatices e com muita comida e bebida de qualidade (da mamã, claro…)

  5. miguel Says:

    Sim, a velha mamma! Um fenómeno cada vez mais tipicamente latino LOL! Abraço.

  6. Miguel Azevedo Says:

    :))) Iá, mas sou casado há 15 anos e tenho duas filhas…. A familia foi toda atrás. Saí de casa com 22 anos, kdo fui viver com a minha mulher. Mas é de facto um fenómeno latino, à pazada por aqui…

Os comentários estão fechados.