O fogão

Sempre muito respeitoso, volta e meia pedia para ser recebido para dar conta das suas preocupações. Naquele dia trazia mais uma na manga, totalmente inesperada. Depois de muitos rodeios, lá chegou onde queria e que era, nem mais nem menos, uma recordação por parte da empresa, pelos seus anos de casa que nem chegavam para abrir uma mão mas que, na sua perspectiva, eram por demais suficientes para que a empresa o distinguisse com algo que o fizesse lembrar que tinha trabalhado nela. Um fogão!

8 Respostas to “O fogão”

  1. catarina Says:

    AHAHAHAHAH! :D (então, se calhar fazia-lhe falta…)

  2. ac Says:

    Imagina quando fizer 10 anos de casa: uma cozinha completa!

  3. pp Says:

    acredito que nunca tivesse tido um fogao.

    [sempre de prata :)]

  4. Manel Says:

    passei só para te deixar um beijinho.

  5. Emiéle Says:

    São estas histórias que tornam o teu blog completamente ÚNICO!!!
    lol!
    É que estou a ver com toda a nitidez esse pedido de ‘recordação’ espantoso. Mas com certeza quem é que ao fim de uns aninhos de trabalho não deve ter direiro a … um fogão! :)))

  6. miguel Says:

    catarina, decerto que fazia. São pessoas humildes… mas é hilariante o que passa pela cabeça das pessoas lol.

    ac, não te guies pelos teus padrões…

    Pois é pp…

    Manelinho! Que tal pá! Nunca mais mandaste nada da Argélia?!…

    Emiéle, lol. É que são tantas, lol. Pois, nem mais!

  7. ac Says:

    definitivamente os meus padrões não incluem uma cozinha como recompensa…

  8. miguel Says:

    Não, é que tu já viste muitas cozinhas e ele não, certamente…

Os comentários estão fechados.