Free falling

Porque hoje foi um dia de recordes renovados, aqui fica o post adequado. Hoje o cross Euro/Dólar bateu um novo máximo de 1,4722 dólares por cada euro (fonte: Banco Central Europeu), embora seja altamente provável que no intraday este valor tenha sido ultrapassado no Forex. Tudo isto perante rumores que a China se prepara para diversificar (ainda mais) o seu grande volume de reservas – 1,43 biliões de dólares ou 1,43×10^12 – pela alienação de dólares e aquisição de outras divisas.

Para se ter uma ideia da “desgraça”, quando assinei o meu contrato de trabalho para vir para Angola, o dólar valia mais do que o euro (1USD=1,003EUR). Quando cheguei a Angola, já só valia 93c. Agora apenas vale 68c, traduzindo-se numa perda real de 33% ao longo destes anos por cada dólar ganho. É delicado e também um dos motivos pelos quais, há que ponderar até que ponto o “prémio” salarial justifica, de facto, a permanência por cá quando:

1. As perspectivas para o cross até ao fim do ano são de 1Euro = 1,50Dólares;

2. Aumento das probabilidades de descidas adicionais da Fed Funds Rate com repercussões ao nível do valor do dólar;

3. Eventual implosão do sistema (abordagem radical e catastrofista). Depois do Citigroup ter anunciado durante o fim-de-semana um write-off de $11.000 milhões no Q3, para além do anterior de $6.500 milhões, a General Motors anunciou ontem um prejuízo no 3º trimestre de $39.000 milhões – os empréstimos da China a Angola ainda não atingiram os $10.000 milhões – provocado pelo “cumprimento de normas contabilísticas”. Onde é que já vimos isto antes? Ou não?

4. Claro que enquanto se mantiver Bush no poder, poucas serão as perspectivas de alteração da situação. A tradição republicana é má neste domínio. De forma algo redutora em termos de análise, Bush preocupou-se sobretudo com o petróleo, armas e religião. Os primeiros por constituírem lobbies poderosos muito próximos do poder e os segundos por lhe terem dado, para nosso grande azar, os votos que necessitou para o 2º mandato.

Ou seja, nada de particularmente interessante no futuro próximo pelo menos até às eleições presidenciais na América.

Já os oiros somam e seguem. A onça não pára de subir estando já acima dos 800 dólares e o petróleo cota acima dos 94 dólares o barril em Londres e acima dos 96 nos EUA, após uma ida acima dos 98. As perspectivas a 12 meses são para que o barril atinja os 125,28 dólares por barril…

Nada como começar-se a fazer, também, contas de sumir somar.

Miguel

39 Respostas to “Free falling”

  1. Jo Ann v. Says:

    Epa, oh kota!
    Agora que chegaste vais nos bombardear? :P
    Deixa só então digerir o que escreveste :DDDD

    (Ok, num disse nada, adiscurpa!)

  2. Mario Says:

    Caro Miguel, obrigado pela analise. Se precisar de uma ajuda para se instalar aqui no Dubai, basta dizer :)

    Agora mais a serio, o panorama economico global aponta em tantas direccoes que nao sei o que pensar. Podera o dolar descer ainda mais sem por causa todos os (des)equilibrios existentes?

  3. miguel Says:

    LOL Jo ;)

    Mario, é mais um desabafo do que uma análise propriamente dita lol. Dubai não seria mau, não senhora. Ainda há vagas para marinheiros? :ppp Quanto ao dólar, porque é que não pode descer ainda mais?… Um dos cenários avançados há um ano ou mais e que li com interesse na altura, seria um reajustamento dos desequilíbrios com uma forte devalorização do dólar. Já está a ocorrer. Qual o limite? Não se sabe.

  4. Mario Says:

    Fugindo um pouco ao assunto e aproveitando a experiencia de emigrante da malta que le isto:

    1. Como residente fora da UE posso pedir tax refund? Certo?

    2. Por exemplo:
    – no Natal vou as compras ao corte ingles,
    – preencho o papel de tax free, carimbo,
    – quando apanhar o aviao de saida de portugal, no aeroporto mostro as compras e o papel do tax free carimbado na loja,
    – recebo o reembolso em conta mais tarde.

    3. Quando entro em portugal como residente fora da UE, pago imposto de importacao sobre artigos comprados fora da UE e que leve para Portugal? Como se processa isto?

    Desculpem-me o rapto do topico.

  5. miguel Says:

    Mario,

    1. Sim.

    2. Ou pedes o Tax Free que não te faz a restituição na íntegra do IVA porque a empresa que gere o sistema tem a sua margem, ou pedes para a Alfândega carimbar a factura no aeroporto e reclamas (ou alguém por ti) o IVA ao fornecedor;

    3. Teoricamente sim, na prática não. Ie, se não levares contigo um contentor inteiro de mercadoria ninguém te chateia. Se fores totalmente cumpridor, é bastante mais simples. Quando estiveres a passar pela área da Alfândega, em vez de passares pelo corredor do “Nada a declarar”, escolhes o outro e voluntariamente declaras o que compraste no estrangeiro exibindo as respectivas facturas para liquidação dos direitos aduaneiros lol.

  6. Mario Says:

    Obrigado,

    3. No corredor do “algo a declarar” posso sempre declarar mercadorias ate 125euros sem ter que pagar nada, se nao estou em erro.

    Um exemplo, vou de ferias de natal a portugal com o computador portatil do trabalho. A alfandega pode me obrigar a pagar taxas sobre esse computador (uma vez que excede 125 euros) ? Mesmo sendo residente no estrangeiro?

    Devia haver uma associacao de emigrantes para receber uma revista com todas estas duvidas e truques! O que sofri para saber como legalizar um carro comprado fora da UE :)

  7. miguel A. Says:

    O k dizer eu: cheguei aqui à 8 meses, com o rácio a 1,32.

    Logo, basta ver o prejuizo em pouco mais de meio ano.

    E se chegar ao 1,50, valor perfeitamente aceitável para mim, será de facto de repensar o que andamos aqui a fazer…

    Como diazia um colega meu, um destes dias vamos conseguir comprar uma carrinha de luxo da Dodge pelo preço de um VW Golf

  8. miguel Says:

    Mario, a Alfândega não obrigará ao pagamento de taxas sobre esse computador atendendo a que o mesmo é para uso pessoal. Hummmmm se calhar até há, nós é que não sabemos lol!

    miguel, sem mais comentários e o Bernanke ainda diz que se sente confortável com a possível troca de parte dos USD das reservas chinesas por [outras] moedas fortes. Faz-me lembrar o Snow quando recorrentemente afirmava onde quer que fosse, qual K7 engolida, que a Administração Bush apoiava uma política de dólar forte… Essa ideia do Dodge não é má não… lol

  9. Mario Says:

    Dodge Durango Limited – 5.7L V8 Hemi – SUV = 31010 usd
    http://mideast.dodge.com/Dealer/UAE/Trading/vehicles/default_en_gb.aspx

    Apareçam por cá pelo Dubai que depois discutimos detalhes ;)

  10. pp Says:

    ahhh ja’ fico mais feliz :)
    o “aparecam” e’ para todos? e’ que o primeiro convite foi so’ para o Chefe… (estava eu aqui a pensar pedir uma cunha ao Chefe para ir 3 meses para o dubai, afinal…)

    eu gosto do mario, raramente me responde mas e’ tao blogamente correcto :)… e serio

  11. maria Says:

    E por falar em Dubai… Sabiam que quando me enviam mails com “projectos da nova Luanda” a futura Luanda faz-me lembrar o Dubai! :)

  12. Mario Says:

    este blog até me faz rir agora graças à pp :)

    Raramente respondo? isso não é verdade, gosto bem de uma pequena provocação :) adorei a parte do sério :) posso perfeitamente avacalhar um pouco como verdadeiro nortenho, mas prefiro esconder essa faceta :) até porque já vamos com 7 ou 8 pontos de avanço e não vale a pena bater no ceguinho!

    Até fico sem saber o que dizer :)

    O apareçam é mesmo para todos ;)

  13. pp Says:

    pois maria, o da “dar” parece :)

  14. pp Says:

    mario, tb nao e’ necessario o “tao verdadeiro nortenho” :)
    aquilo dos pontos e’ futebol?? se o e’, eu sou pelo azul do norte :)
    organizacao de viagem ao dubai em grupo – fiel companheiro prepara-te, tu gostas de organizar estes eventos lol
    mario, vamos todos!!

    p.s.sera’ que ha’ duzia sai mais barato (o dodge)?

  15. kianda Says:

    É engraçado que o chefe antes de bazar por tempo (inder)terminado falava de Luanda, do trânsito, dos azulinhos, das moscas, dos buracos na estrada e nos passeios (uffff) com um olhar bastante optimista, tudo se levava “na boa” … mas OH chefe, ultimamente é sempre a reclamar, a suspirar, a falar em sumir … hummm …
    Acho que se o Mario oferece mais uma vez o emprego, só “uminha”, o chefe começa a falar árabe !!!

  16. miguel Says:

    Kianda, eu já falo árabe! ahahahahha Se estivesse cá agora, verias como a cidade mudou tanto para pior. Mas não te escondo o meu grande cansaço com tudo isto. Apenas tenho que terminar o que comecei já que não costumo deixar nada a meio ;) Mas, para mim, já chega…

    lol pp!

  17. Mario Says:

    Falar árabe? Meio caminho andado então. Eu ando a tentar aprender, mas não saio da lição 1.

    Venham daí que alguém até anda a organizar um almoço da comunidade de portugueses de cá.

  18. kianda Says:

    Eu percebo-te … mas acho que a cidade não mudou assim tanto, é um pouco mais do mesmo (não tou mas recebo news todos os dias :-) e sou daquelas q leem angonoticias todos os dias, ehehehe) … acho é que todos temos os nossos limites de paciência, o meu esgotou num ano e sou filha da terra … o teu pelos vistos !!!

  19. pp Says:

    (adenda ao a com ha la de cima – era ‘a… duzia)
    mario, e angolanos podem ir ao almoco? :)

  20. Miguel A. Says:

    Foram muitos anos organizar eventos, embora ligado à industria quimica. Ficou-me o vicio da borga… lol

    Ó Mário, e o calor por aí? no Bengo ontem apanhei 45 (bem, nas cataratas, arredores do Bengo) e já julguei de morrer…

    Mas o chefe pode perfeitamente ficar com este ónus, agora que veio tão ‘relaxado’ de férias

  21. maria Says:

    Esperem por mim pra esse almoço, please! :) Falta pouco pra eu ir apanhar temperaturas de 45 º! :)

  22. Mario Says:

    São todos bem vindos por aqui, angolanos e tudo. Já estendi o convite aos amigos angolanos não virtuais que consegui fazer nos 3 meses em Luanda.

    O calor… eu cheguei a 1 de Outubro já no início do Outono e estava um daqueles calores… Acho que no verão ninguém sai à rua nem durante a noite. Por isso fazem shoppings em todo o lado :)

    A água do mar fica tão quente que é desconfortável entrar. Pelos registos de Agosto chega a 39º… não imagino.

    Kianda: o meu limite de paciência esgotou-se em dois meses e meio :)

  23. miguel Says:

    Bom eu não sei se já perceberam mas o almoço é no Dubai… ahahahahah Estou a rir-me mas acredito que já não seja nada de estranho por aquelas paragens…

    Miguel A. 45? Mas 45 quê? ºF não? :pppp

    39º? Isso parece bestial Mario. Faz-me lembrar a sensação que tive quando mergulhei pela primeira vez na sopa do Índico, para os lados de Pemba :)))

  24. miguel A. Says:

    Pemba, adoraria lá ir um dia. Aliás, Moçambique sim, para mim é que ra, mas enfim, não deu pelo menos par ajá.

    45´º C, claro, F seria um frio de todo o tamanho…

    Água a 39 C? safa, ainda queimamos algumas partes do corpo mais sensíveis… lol

    Mario, só 75 dias neste inferno?

  25. Kianda Says:

    Inferno ??? Isto tá mesmo mau, ainda me lembro de algumas discussões aqui em “casa” do chefe onde o Mario desatinava c Luanda e as vozes eram todas zen “calma, muita calma!!!” … que aconteceu ??? Só as meninas continuam numa postura “tasse” … acabaram as belas mulatas :-)

    Mario gostei do convite abragente a “angolanos e tudo” … eu, como angolana e tudo, vou aparecer nesse almoço no Dubai :-) …

  26. miguel A. Says:

    PS – Enganei-me redontamente ao escrever o local que visitei: Fui ao Sumbe e não ao Bengo, lapso de escrita…

  27. miguel Says:

    Kianda, “tasse”! O problema está no que vou escrever dentro de instantes, em novo post ;)

    Aaaaaaaahhhhhh bem me parecia que só podia ser o Sumbe, miguel A. Alguma vez o Bengo é assim?! ;)

  28. Mario Says:

    Pois e’ Kianda, fui injusticado, ou como dizia o presidente do benfica “expoliado” :) A parte dos angolanos e tudo era para deixar claro que nao guardo ressentimentos :) Gostei de ter conhecido um pouquinho Angola embora nao me tenha adaptado.

    Novo post picante? Ca estaremos para comentar!

  29. Mario Says:

    :vergonha:

    eu queria ter dito “espoliado”

    :vergonha:

  30. miguel A. Says:

    :-) Claro que não, só podia ser o Sumbe…

    Compliquei o descomplicado… e foi só o principio do começo…

  31. miguel Says:

    hummmmmmm miguel A., há quanto tempo não vais a casa? :ppp

  32. miguel A. Says:

    ! mês certinho…

  33. miguel A. Says:

    1 mês…

  34. miguel Says:

    Não te preocupes, o Natal está aí à porta :)

  35. pp Says:

    lol Chefe, essa frase do natal mais parece de inspector, ja’ em outubro a comecei a ouvir.

  36. miguel Says:

    ehehehhehe pp

  37. Pedro Says:

    Caro Sr. Mário, estou interessado em ir trabalhar para o Dubai. Gostaria de trocar algumas impressões consigo através de correspondência electrónica. O meu e-mail é o: matos_gomes@hotmail.com Ficarei a aguardar o seu contacto. Muito obrigado pela atenção dispensada.
    Cumprimentos
    Pedro M. Gomes

  38. kianda Says:

    Por estas e por outras é que eu sou uma fã, já foi ponto de encontro agora é bolsa de empregos, ah ganda SD ;-)

  39. engricky Says:

    LOL

Os comentários estão fechados.