Lá vamos nós outra vez

E eu que pensava já ter visto muito, afinal vale tudo nesta vida. Mesmo assim, ainda fico completamente espantado com a facilidade com que as pessoas, sobretudo aquelas com responsabilidades, conseguem mentir com a maior das facilidades. Quando é com os outros, um gajo é naquela. Quando nos toca a nós, é um bocado mais chato…

Começo a acreditar que só mesmo o filet mignon da rosqueirice nacional é que está a demandar estas paragens… talvez na ânsia de não serem conhecidos por aqui. Uns vão para Londres, outros para Luanda. Faz parte da vida.

Os sinais eram bem evidentes, em toda a linha. De plástico. Farsolas. Já não lhes chega as plásticas ao corpo, também já as fazem, e de monta, diga-se, ao carácter. O contorcionismo não constitui, para esses farsantes de gente, qualquer óbice assinalável, pois há muito que se libertaram da coluna vertebral. Que gentalha! De sorriso fácil e altamente social mas que, uma vez bem espremida, nada mais é do que excelente matéria-prima para a produção de biogás…

Vai uma máscara?

9 Respostas to “Lá vamos nós outra vez”

  1. maria Says:

    Algumas pessoas são mais como os cães quando uivam, abanam a cauda, crescem,…, outras são mais parecidas com os gatos: ronronam, têm uma postura estóica, possuem instintos predatórios…

    Se os gatos e cães tugas foram todos para aí, não sei… É que ainda vejo muitos por cá!!!

    Há que ter esperança: parece que os chineses (aliás os asiáticos de uma forma geral) os comem (aos cães e aos gatos); nós por cá continuamos a comer gato por lebre, sejam lá eles tugas ou outros. Arre, que não há ASAE que nos safe!

  2. catarina Says:

    A mim espanta-me é que te espantes: o que mais há em todo o lado é sacanas filhos da mãe. E nunca têm o título escarrapachado na testa.

  3. maria, a fiel Says:

    Chefe, queres ver q vou ter que assinar agora assim?
    maria, a fiel :D ( duas marias num blog dá muita confusão )

  4. Miguel A. Says:

    Vou ser comido vivo, mas acho que há 2 grupos distintos: os sub-45 e os veteranos;

    OS veteranos são abaixo do que escreveste…

  5. AC Says:

    lolll confesso que estou como a Cat.: como é que ainda te espantas?
    Mais não seja é uma forma de “matares” saudades deste jardim à beira mar plantado :)

  6. miguel Says:

    Tenho que espantar porque acredito.

  7. engricky Says:

    Chefe, infelizmente vêem-se por cá muitos desses espécimens…
    Mas se reparar bem não são só os Tugas. Há tempos vi uma cena na Casa dos Frescos com uma brasileira…
    Rosqueirice vem d todos os lados, cabe-nos a nós mantermos o nível :)
    Forte abraço

  8. miguel Says:

    Demais engricky! E eu não saio muito… Claro que não é exclusividade nossa, mas é mais com eles que me deu por inerência de funções…

  9. pp Says:

    isto e’ do nao dormir, este post passou-me ao lado.
    Chefe, eles agem como se ainda estivessem por la’, deixa-os passar mais 6 meses por ca’, de galos depressa passam a pintos depenados. :D

Os comentários estão fechados.