Se o mundo votasse

A Economist está a levar a cabo uma votação virtual para as presidenciais norte-americanas que se avizinham. Caso os residentes de outros países pudessem votar qual seria a sua tendência? Os resultados da votação podem ser consultados aqui. Não sei se a participação está reservada a membros registados da revista, de qualquer maneira é interessante verificar como a esmagadora maioria dos votantes é democrata com excepção de cerca de uma dezena de países (espantem-se!): Iraque, Geórgia, Macedónia, Argélia, Sudão, RD Congo, Zimbabwe, Namíbia e… Cuba (só podem ser os marines de Guantanamo!).