Archive for the ‘Outros’ Category

[foto] Momento de descontracção

6 Janeiro 2009

f039-21122008dal

[foto] De pequenino

6 Janeiro 2009

f012-18122008dal

[foto] Milão

6 Janeiro 2009

f299-06012009mil

[foto] Airbus TAP com neve

6 Janeiro 2009

f342-06012009mil

[foto] Aluguer de bicicletas

6 Janeiro 2009

f302-06012009mil

Ainda pensei alugar uma para dar uma volta em Milão mas sem calças apropriadas, nada feito!

[foto] Valencia

3 Fevereiro 2008

f43906012008ptn.png

[foto] Soho

2 Fevereiro 2008

f18813122007nyc.png

[foto] Just in case…

30 Janeiro 2008

f15613122007nyc.png

[foto] Trânsito

7 Janeiro 2008

f42806012008pn.png

Ontem, era a confusão. Se se pensa que Angola é medonho, ali ao lado não é pior… Com uma agravante. É que em qualquer avenida, mesmo a que coloquei aqui em fotografia, ninguém tem o menor pejo em cruzar as quatro faixas, percorrendo duas em contramão, para estacionar do outro lado da rua. Nem que seja um taxista para deixar um passageiro…

Interessante é o sistema de cores. Azul e branco, para os taxis convencionais, e azul e amarelo, para os colectivos (candongueiro/chapa), na cidade de Ponta Negra. Já em Andolisie são o azul dá lugar ao vermelho e na capital, Brazaville, são verdes.

Miguel

PS-Para referência: o visto de entrada na República do Congo custa 20.000,00 CFA (autocolante e 5 carimbos!), o táxi da fronteira do Massabi (Cabinda) até Ponta Negra custa 5.000,00 CFA a que acrescem 1.000,00 CFA de portagem na ponte (a não ser que o taxista peça um “cadeau”, como fez o nosso…)

[foto] CFCO-Pointe Noire

6 Janeiro 2008

f42607012008pn.png

[foto] Maquinista

6 Janeiro 2008

f42007012008pn.png

[foto] Cais

6 Janeiro 2008

f41307012008pn.png

A estação dos caminhos-de-ferro do Congo, em Ponta Negra. Arquitectonicamente interessante, todo o seu aspecto e área circundante é algo desolador. Nas passagens de nível, as campaínhas tocavam ininterruptamente sem que ninguém anunciasse aos microfones a passagem de qualquer composição. Aliás, pergunto-me qual o comboio que esperariam as pessoas presentes no cais ou se ali estariam meramente por estar, como em qualquer jardim ou esplanada de praia. É que não vi nenhum comboio de passageiros. Apesar disto, na entrada principal da estação lia-se num sinal “acesso ao cais para passageiros de 1ª classe”…

Miguel

[foto] Lavra?

6 Janeiro 2008

f41007012008pn.png

Rua de terra batida, junto à praia de Ponta Negra, onde vi esta mais-velha, descalça, neste exercício. Por muito estranho que possa parecer, interrogo-me se não estaria a apanhar alguma coisa. Contrariamente a tudo o que diziam sobre aquela que é a capital económica da República do Congo (Brazaville), confesso que fiquei algo chocado com a cidade em si e toda a realidade social perceptível por toda a parte.

Miguel

Miguel

[foto] Déjà vu

6 Janeiro 2008

f38106012008pn.png

O que resta do terminal mineralífero de Ponta Negra. Mais um bom exemplo de arqueologia contemporânea com grandes exemplares de fósseis industriais da era moderna…

Miguel

[foto] R ya talkin’ to me?

6 Janeiro 2008

f38506012008pn.png

O que corri atrás deste lagarto pelo jardim e piscina do hotel fora… Não me deu quase qualquer hipótese de fotografá-lo a não ser neste momento de pausa em que olhou para mim tipo “vá, tira lá o raio da fotografia e deixa-me ir à minha vida em paz!”. Assim foi. Fotografia tirada e pôs-se a milhas.

Miguel

[foto] Avenida principal (Pointe-Noire)

6 Janeiro 2008

f37806012008pn.png

[foto] Lá fora, calor!

25 Dezembro 2007

f30625122007.png

[foto] Newark

13 Dezembro 2007

foto249131207ny.png

(Ai minha rica Angola…)

Se ontem à noite, e durante uma boa parte do dia, esteve um frio de rachar, hoje estava um dia desagradabilíssimo. Daqueles mesmo terríveis que há já muitos anos que não passava por um deles. Por muito agasalhado que estivesse, o vento gelado na cara é daquelas coisas extremamente desagradáveis. E foi assim que amanhecemos com neve (os serviços meteorológicos prometeram para as 10:00AM mas, na realidade, começou a nevar já depois das 11 da manhã) a qual passou para chuva, já durante a tarde. A pouca neve que caiu, tornou muitas áreas brancas como a que se pode ver na fotografia.

Resumindo, não sou bicho de neve…

Miguel

[foto] Ground Zero

13 Dezembro 2007

foto250131207ny.png

[foto] F.D.N.Y.

13 Dezembro 2007

foto158121207ny.png

De repente, uma grande agitação num dos lados de Union Square com diversas pessoas a dizerem em voz alta “Oh my God!”. Virámo-nos para o local e vimos muito fumo a vir da estrada. Tratava-se de uma carrinha com o que me pareceu ser garrafas de oxigénio e acetileno. Afastei-me a alta velocidade do local, regressando algum tempo mais tarde após a chegada de dois carros dos bombeiros do New York City Fire Department (FDNY).

Foi uma grande demonstração de prontidão e reacção. Em poucos instantes, o que restava do pequeno incêndio foi completamente extinto. À medida que ia tirando fotografias, alguns transeuntes perguntavam-me o que se passava, chegando mesmo um a perguntar-me se todo o aparato era para algum filme…

Acima de tudo, é poder ter no meu blog uma fotografia dos que estão sempre prontos a arriscar a sua pelas nossas vidas. E dos que tombaram há 6 anos atrás, também nesta cidade.

Miguel

[foto] The Empire State Building

13 Dezembro 2007

foto223121207ny.png

O que é hoje o edifício mais alto de Nova Iorque, foi também o primeiro arranha-céus a que subi em 1981. Tirando os elevadores “a jacto”, a vista é de tal forma deslumbrante que até metia medo. Ainda hoje, é um dos edifícios mais espectaculares que já vi.

Miguel

[foto] Arranha-céus

12 Dezembro 2007

foto001111207ny.png

[foto] J’arrive!…

21 Novembro 2007

f001fra-23092007.png

[foto] Ciao!

21 Novembro 2007

f001ita-22092007.png

[foto] No campo

21 Novembro 2007

f001spa-21092007.png

[foto] Sans peur

17 Novembro 2007

f001gbr-05102007.png

[foto] Serenidade

17 Novembro 2007

f001spa-26092007.png

[foto] Guggenheim

8 Novembro 2007

f001-250920072.png

A sensação fantástica de poder ver um edifício destes foi prejudicada pela exposição que encontrámos de Richard Serra, ao qual deu o nome de The Matter of Time, com o alto patrocínio da Arcelor Mittal. Os politicamente correctos, na sua maioria americanos, abriam a boca de espanto e admiração pela obra exposta deixando soltar ocasionalmente algumas palavras em forma de murmúrios como “Wow!”ou um mais difícil de dizer “Outstanding!”. Os outros, gente normal e terra-a-terra, ao espanto provocado pela surpresa seguiam-se os sorrisos e o acelerar o passo a cada nova obra vista até à saída…

Miguel

[foto] O A380 F-WWEA

6 Novembro 2007

fotoeur00124092007.png

Esta é para os maluquinhos da aviação (eu incluído, mas agora mais moderado…). Qual não foi o nosso espanto quando vimos, de repente, erguer-se no céu o maior avião comercial jamais construído. Simplesmente fenomenal. De um silêncio completamente inesperado. Claro que, de seguida, consegui convencer as companheiras de viagem a passar uma boa meia-hora no aeroporto a vê-los ensaiar descolagens e aterragens…

[foto] Sinais

8 Março 2007

f001-01032007.png